Criar uma web rádio para igrejas é uma forma de alcançar milhares de pessoas na internet sem investir muito dinheiro. Diferente das emissoras de rádio tradicionais, as rádios online não têm limite de alcance de sinal e não precisam de muitos equipamentos para irem ao ar.

Com apenas um computador, uma boa conexão à internet, um microfone e um programa de streaming é possível transmitir conteúdos cristãos em áudio, tanto ao vivo quanto gravados, 24 horas por dia, para pessoas de todo o mundo. Neste post nós explicamos tudo o que você precisa para criar uma rádio web para sua igreja e alavancar o alcance da mensagem do Evangelho. 

O que é uma web rádio?

Web rádios ou rádios online são rádios que realizam a transmissão via internet. Ao contrário das emissoras de rádio tradicionais, cuja transmissão da programação é analógica e ocorre por meio de ondas radiofônicas com alcance limitado de sinal, as web rádios são 100% digitais e usam a tecnologia de streaming de áudio. Em outras palavras, elas têm um potencial de alcance muito maior e podem atingir ouvintes do mundo todo. 

Microfone de rádio em frente a um notebook
Reprodução/Freepik

Além disso, criar uma emissora de rádio tradicional demanda altos investimentos, já que é preciso adquirir uma antena – e ter um local adequado para instalá-la –, um transmissor AM/FM e um sintonizador digital. E as despesas não param por aí: será preciso ainda alugar um estúdio e comprar uma mesa de som robusta, bem como organizar toda a documentação exigida por lei e pagar os respectivos impostos exigidos. A criação de uma rádio online, por outro lado, é bem mais barata e menos burocrática.

Como criar uma web rádio para minha igreja? 

1. Defina o público-alvo

Se você está criando uma web rádio para sua igreja, certamente vai investir no segmento gospel. Dentro desse nicho, porém, há uma série de perfis de ouvintes. Por isso, não basta escolher um nicho de atuação; é preciso definir o público que sua igreja quer atingir. Se entender bem as preferências da audiência, você será capaz de produzir conteúdos relevantes e capazes de retê-la. 

2. Defina o nome e o slogan da rádio

O nome carrega a identidade da sua rádio e, por isso, deve ser escolhido com bastante critério e atenção. Ao rascunhar possíveis nomes, pense: minha audiência vai conseguir se relacionar com esse nome? O nome é direto e marcante o suficiente para ficar na mente dos ouvintes? O nome reflete a personalidade da minha rádio?

Após definir o nome, chegou a hora de escolher um slogan. A função do slogan é fixar, de maneira rápida e efetiva, a mensagem-chave da rádio na mente do ouvinte. Para criar um bom slogan, use poucas palavras e busque transmitir o diferencial da sua rádio, ou seja, aquilo que ela faz de melhor e que a torna única. 

3. Defina a programação 

Definido o público-alvo, o nome e o slogan da rádio, é preciso montar a programação. Ela é a alma da web rádio da sua igreja e, justamente por isso, deve ser muito bem planejada. Para isso, o primeiro passo é definir se a programação será ao vivo, gravada ou mista (gravada com inserções ao vivo). 

Em seguida, estabeleça os programas, programetes (pequenas inserções de 1 a 2 minutos na programação da rádio) e as principais atrações da web rádio da sua igreja. Distribua o conteúdo conforme as 24 horas do dia, organizando a grade de programação da forma mais atraente e convidativa possível para o ouvinte. 

O que eu preciso para pôr a web rádio da minha igreja no ar?

1. Um computador ou notebook

Mulher com fone de ouvido em frente a um computador cuja tela mostra ondas sonoras

O primeiro passo para pôr a web rádio da sua igreja no ar é ter um computador ou notebook. Não é preciso investir em um equipamento muito robusto, já que você precisará apenas instalar o software responsável pela transmissão ao vivo. 

2. Uma boa conexão à internet

Embora não seja necessário ter um computador com configuração avançada, uma internet banda larga de qualidade é indispensável para que a programação da sua web rádio vá ao ar. Se a conexão for muito baixa ou instável, a transmissão poderá apresentar falhas, o que compromete diretamente a experiência do ouvinte.

Cabos de conexão à internet

Para saber a velocidade da conexão, recomendamos que entre em contato com a empresa do seu provador. Outra forma de descobrir essa informação é com a ajuda de medidores online, como o SpeedTest. Sites do tipo são capazes de fornecer a real velocidade de download e upload da internet. 

3. Um microfone 

Microfone

Se a grade de programação da web rádio da sua igreja contiver inserções ao vivo, você precisará de um bom microfone. Lembre-se de que o tipo de captação do aparelho deve ser adequado ao formato dos programas da rádio. Um microfone unidirecional, por exemplo, é mais adequado para ocasiões em que apenas uma pessoa (o locutor, no caso) fala. Os microfones bidirecionais e omidirecionais, por sua vez, se adequam melhor a entrevistas.

4. Um programa de streaming 

Por fim, você precisará de um serviço de streaming para transmitir a programação – tanto ao vivo quanto gravada – da web rádio da sua igreja. É esse programa que se encarregará de enviar o conteúdo em áudio para o servidor onde está sua rádio online.

Recomendamos que você escolha plataformas como MaxCast e KSHost,  que oferecem o recurso de Auto DJ. Como o próprio nome indica, a ferramenta realiza a função de um DJ, só que em modo automático. Funciona assim: você cria uma playlist com as músicas que serão tocadas na rádio, e a tecnologia se encarrega da reprodução das faixas, eliminando a necessidade de monitorar e operar a transmissão em tempo integral. 

Além da função de Auto DJ, serviços de streaming costumam oferecer recursos como pacote de vinhetas, anúncio de hora certa e fornecimento de estatísticas sobre o perfil demográfico dos ouvintes. Os valores dos planos de assinatura variam entre R$ 70 e R$ 160. 

Onde hospedar a web rádio da minha igreja?

Para que as pessoas tenham acesso à programação da web rádio, é preciso hospedá-la em um site ou aplicativo. Com a plataforma inChurch, você consegue incorporar facilmente um player de rádio ao app ou site da sua igreja; basta colar a URL fornecida pelo serviço de streaming no painel de controle. É possível cadastrar mais de uma URL e alternar entre as rádios cadastradas, como se fossem estações. 

Desta forma, os usuários podem ouvir a programação enquanto leem textos devocionais, conferem a programação do ministério, enviam pedidos de oração ou consomem qualquer outro tipo de material. Ao concentrar os conteúdos digitais da sua igreja em um único canal, você evita dispersões e fideliza a audiência. 


Quer saber mais sobre as web rádios e outras funcionalidades que um aplicativo pode oferecer para sua igreja? Fale com nossos especialistas e esclareça suas dúvidas.

Receba as melhores dicas de comunicação e gestão direto no seu e-mail